8 de out de 2011

Sem Pensar


Uma peça bem engraçada, em grande parte ao talento de Denise Fraga e da maior parte do elenco, mas também pelo texto original e pela cenografia bem interessante.


Denise Fraga é dirigida pelo marido em peça que explora os conflitos familiares

AMANDA SERRA
Colaboração para UOL



http://entretenimento.uol.com.br/ultnot/2011/06/04/denise-fraga-e-dirigida-pelo-marido-em-peca-que-explora-os-conflitos-familiares.jhtm

Com uma personagem que vai do cômico ao trágico, Denise Fraga volta ao palco do Tuca, em São Paulo, como a Vicky de "Sem Pensar", peça com direção de Luiz Villaça, seu marido, que estreia no teatro. O espetáculo retrata a falta de comunicação dentro das casas, os conflitos familiares cotidianos entre pais e filhos e fala da difícil convivência matrimonial.

Villaça conta que ficou fascinado com o formato do texto de Anya Reiss, a britânica de apenas 17 anos que escreveu a peça -- em inglês, "Spur of The Moment". "Para mim é uma experiência nova, sou um diretor [de teatro] estreante. É um texto bem atual, moderno e num formato que eu adoro, que vai da tragédia que te faz rir até a comédia que te faz chorar."

  • Lenise Pinheiro / UOL
    Cena da peça "Sem Pensar"

Para aproximar a plateia dos atores, Villaça alterou o cenário original, deixando tudo em apenas em um plano. "Estou muito satisfeito, feliz de ver a relação do público com os atores. Mexi muito na encenação e esse foi o meu maior desafio como cineasta, pois estava acostumado com cortes, sequências e tive que ir para o plano geral, no qual tudo acontece sem interrupções", revela o diretor.

Em um dos intervalos do ensaio, Denise aproveita para falar com oUOL e conta que está adorando interpretar a rabugenta matriarca da casa. "Eu adoro fazer a Vicky. [Ela] é diferente de muitas personagens que eu vinha fazendo. De tão mal-humorada ela passa a ser engraçadíssima. Fala o que vem a cabeça."

Casados há 17 anos, Denise e Villaça mostram que são grandes parceiros. "A Denise é a atriz dos sonhos de qualquer diretor, se deixar ela fica ensaiando todos os dias, querendo melhorar sempre. Ela é minha musa, a grande atriz que eu gosto de trabalhar, é sempre minha primeira opção", declara o diretor.

"A gente aprendeu a brigar de mãos dadas. Discordamos, colocamos os pingos nos 'is', para que tudo vá em frente de alguma forma. Nossa relação de trabalho e pessoal é feita em uma terceira via, não sou eu e nem ele, mas nós. O caminho do meio, sempre de mãos dadas", afirma a atriz.
  • Lenise Pinheiro / UOL
    Denise Fraga e o marido e diretor Luiz Villaça nos bastidores da peça "Sem Pensar" no Tuca

Grande incentivadora, Denise conta que o marido tomou gosto pelas artes cênicas. "O grande barato do Luiz sempre foi a direção do ator, mesmo no cinema ou na TV. Eu sempre falei que o dia que ele fizesse teatro ficaria fascinado."

"Eu descobri que a plateia faz parte da equipe. Diferente do cinema, no teatro a reação do público influência, há uma comunhão. O teatro te dá a possibilidade de discussão, ao contrário do cinema, em que a cena fica aprisionada. Dependendo do público, da energia, a peça vai caminhado de uma forma e no dia seguinte muda", afirma Villaça.

Na TV, Villaça e Denise estão trabalhando, em conjunto com o dramaturgo Sérgio Roveri, na série "Siticom", da Globo, em fase de aprovação. Para o cinema, Villaça conta que vai dirigir o longa "Primavera".


"SEM PENSAR"
Quando: até 31/7. Sextas e sábados às 21h30; domingos às 19h
Onde: Tuca (rua Monte Alegre, 1024, Perdizes)
Quanto: R$ 40 (sexta e domingo) e R$ 60 (sábado). Há meia-entrada. R$ 10 para estudantes, professores e funcionários da PUC

0 comentários:

Postar um comentário